JOÃO GILBERTO

Dia triste para a música brasileira. Despedida do gênio João Gilberto. 06/07/19… Estou fazendo este post meio sem palavras, já pensando em editar depois e colocar mais algumas coisas. Matérias, entrevistas. Por enquanto só fica o silêncio.

Disco Gilbertos Samba, homenagem do colega e fã Gilberto Gil só com músicas que foram sucesso nas gravações do João. (um belo disco!)

Matéria que o Fantástico exibiu cobrindo o falecimento e falando sobre o impacto da obra do artista no Brasil e no mundo. (dividida em 2 blocos)

https://globoplay.globo.com/v/7746984/

https://globoplay.globo.com/v/7746983/

Post de Caetano Veloso no Instagram:

View this post on Instagram

João Gilberto foi o maior artista com que minha alma entrou em contato. Antes de completar 18 anos, aprendi com ele tudo sobre o que eu já conhecia e como conhecer tudo o que estivesse por surgir. Com sua voz e seu violão, ele refez a função da fala e a história do instrumento. Pôs em perspectiva todos os livros que eu já tinha lido, todos os poemas, todos os quadros, todos os filmes que eu já tinha visto. Não apenas todas as canções que ouvi. E foi com essa lente, esse filtro, esse sistema sonoro que eu passei a ler, ver e ouvir. Aos 88 anos, com aspecto de quem não viveria mais muito tempo, João morrer é acontecimento assustador. Orlando Silva, Ciro Monteiro, Jackson do Pandeiro, Ary, Caymmi, Wilson Batista e Geraldo Pereira não teriam sido o que são não fosse por João Gilberto. Tampouco Lyra, Menescal e Tom Jobim. Ou os que vieram depois. E os que virão. O Hino Nacional não seria o mesmo. O mundo não existiria. Sobretudo não existiria para o Brasil. Que era uma região ensimesmada e descrente da vida real fora de suas fronteiras. João furou a casca. O samba não seria samba sem Beth Carvalho cantando "Chega de Saudade". A música não seria música sem a teimosia de João. Ele foi uma iluminação mística. Nenhum aspecto do mundo que ele sempre tocou tão rente pode ameaçar a grandeza da verdade de sua arte. E isso era sua pessoa. É sua pessoa, em todos os sons gravados em matéria ou na minha memória. 🖤🌹 . 📸 1. Em SP, na inauguração do Credicard Hall em 1999. 2. Caetano e João – Buenos Aires, em 1999 3. Caetano, João e Gal | No estúdio da Tupi, em 71 4. Turnê na Europa, com @zecalveloso e Luana Costa (@lulu__costam) 5. Em 1990, durante o Festival Internacional de Jazz na França . #CaetanoVeloso #JoãoGilberto #RIPJoaoGilberto #ChegaDeSaudade

A post shared by Caetano Veloso (@caetanoveloso) on

Post do músico Tiago Amud no Instagram:

João Gilberto, eterno. Obrigado, mestre.

Anúncios

GILBERTO GIL!

Ontem Gilberto Gil fez aniversário. Completou seus 77 anos. Duas semanas atrás foi o seu ídolo João Gilberto, que fez aniversário. Completou 88 anos. Os dois nasceram na Bahia, os dois são grandes gênios da música brasileira.

Vou postar aqui o disco “Gilbertos Samba” que o Gil gravou em homenagem ao João. Neste disco Gil toca só músicas que foram gravadas (e eternizadas rs) pelo mestre João.

Depois do disco, vou colocar uma playlist que fiz misturando as versões originais do João com essas regravações do Gil. Faixa a faixa. Tipo João tocando a música X, Gil tocando a música X. E assim por diante, vocês entenderam. rs

Pra terminar, um vídeo promocional do lançamento do disco Gilbertos Samba.

PAUL & CHICO

Hoje é aniversário do Chico Buarque. E ontem foi do Paul McCartney! O Paul nasceu em 42, o Chico em 44. Logo, o Paul completou 77 anos, o Chico, 75.

Dois grandes artistas, cada um no seu universo, cada um com a sua história. O Chico é muito respeitado no mundo do samba. Vou postar aqui uma música dele chamada “Feijoada Completa”. Essa música me lembra muito o tempo que eu tocava numa feijoada de Moema (SP), todo domingo. Essa música era sempre a primeira, logo que a feijoada era servida. Vou postar a versão do compositor, Chico, depois uma versão do Diogo Nogueira e também do seu pai, João Nogueira.

Tenho uma playlist só com “Sambas do Chico”, está aqui:

Do Paul, já tem tanta coisa nesse blog que eu nem precisaria postar nada. rs… Mas pesquei umas coisas diferentes pra não deixar o Chico roubar a cena do post! ehehe

Primeiro o clipe de uma música que o Paul gravou com o Michael Jackson.

E um trecho do programa Carpool Karaoke, com James Corden, só um trecho que eu achei com legendas em português (pra ver o vídeo inteiro, legendas só em inglês, clique AQUI)

Outros posts deste blog em que o Paul McCartney aparece:

Paul, que Show!

Yes, We Can!

Que Disco!

Só clicar pra ser teletransportado pra eles! 🙂

DJAVAN NO BIAL

Você já ouviu o novo disco do Djavan?

Bom… Não é tão noooovo assim, foi lançado em novembro de 2018. Mas pra quem ainda não ouviu, é novo! rs

Solta o link do play no Spotify!!

 

O Djavan deu uma ótima entrevista no programa do Bial, solta o link também!

https://globoplay.globo.com/v/7537793/programa/

E, pra terminar, o último link. De um outro post que fiz sobre o Djavan, onde coloquei uma playlist minha com músicas de todas as épocas do compositor alagoano. Dá uma olhada que vale a pena ouvir algumas dessas pérolas:

https://faiock.com.br/2018/01/27/hoje-e-niver-do-djavan/

MAGIC! (#VERSÕES)

Duas versões da música “Every Little Thing She Does Is Magic”!

The Police, 1981

E Jacob Collier, 2018

Jacob Collier no Wikipedia: https://en.wikipedia.org/wiki/Jacob_Collier

Essa música está no disco Djesse (Vol 1). Um disco que certamente quem não escutou precisa escutar. (eu mesmo já escutei muito, mas sempre acho que preciso escutar mais rs)

Outro post deste blog sobre o gênio Jacob Collier: https://faiock.com.br/2017/08/21/jacob-collier/

 

PAUL, QUE SHOW!

Claro que não precisa dizer que o show do Paul McCartney foi incrível. Afinal, ele é o Paul McCartney. Eu já tinha ido no show de 2010, no estádio do Morumbi… 9 anos depois, tio Paul continua o mesmo. Cheio de disposição, cheio de bom humor e, claro, cheio de grandes clássicos dos Beatles, dos Wings e da carreira solo, pra preencher facilmente um show de quase 3 horas e deixar milhares de fãs satisfeitos/extasiados.

Aliás, pra quem conhece pouco o Wings, fica a dica. A banda é sensacional. Tem discos que são verdadeiros clássicos, como Band On The Run, Venus And Mars, RAM e outros. Tem uns amigos músicos que falam brincando “Sabia que antes do Wings o Paul McCartney tinha outra banda?” (se referindo aos Beatles rs)

Um detalhe interessante da história dos Wings é que Paul resolveu começar no “underground” mesmo. Eles iam de cidade em cidade, numa van. Chegavam em faculdades e se ofereciam pra tocar pros estudantes. Armar um show para a próxima noite, divulgar entre eles, depois dividir a bilheteria com a faculdade. Antes de topar a ideia, o diretor da faculdade tinha que ir até a van pra acreditar que realmente o ex-Beatle Paul McCartney estava lá.

Várias outras histórias como esta estão na biografia de Paul McCartney, escrita por Peter Anes Carlin. (Editora Nova Fronteira) Um livro ótimo, gentilmente emprestado pelo amigo Tiago e loucamente lido por mim e também pela Gi (my wife), o que nos deixou ainda mais animados para este mega-show.

Vou deixar aqui embaixo o link pra ouvir um dos discos que citei do Wings.

 

Paul McCartney, uma lenda viva. MESMO… Se você ainda não viu ao vivo, vale a pena. Logo ele volta. Adora o Brasil, esta foi a nona vez que ele se apresentou por aqui. O disco mais recente, Egypt Station, também vale muito a pena. Nele que está a música Back in Brazil, música que ele teve a ideia de fazer da última vez que veio. Ah, vou colocar o clipe aqui. Boa ideia. rs… O clipe foi filmado na cidade de Salvador.

 

 

Outro post deste blog em que Paul foi citado: https://faiock.com.br/2018/10/25/yes-we-can/

MANGUEIRA CAMPEÃ 2019!

Pra começar o post, o samba legendado, pra ouvir e acompanhar a letra, coisa que a Globo não fez muita questão de fazer este ano rs

E, claro, o link pra assistir de novo ao desfile. (Globoplay)

https://globoplay.globo.com/v/7386631/

É o segundo título com o carnavalesco Leandro Vieira, que logo após o desfile falou para os jornalistas:

E depois deu esta entrevista para o Jornal do Brasil.

A última vitória foi em 2016, mas eu particularmente gosto muito do samba enredo de 2017! Fiz uma playlist no Spotify com os 3 sambas, de 19, 17 e 16!

E pra quem quiser ouvir os outros sambas. Portela, Beija-Flor, Salgueiro, Mocidade, Grande Rio etc. Termino o post com o álbum das escolas do Rio: