MICHAEL LEAGUE

Esse aí é o Michael League. O multi fundador.

Fundador do Snarky Puppy (Instagram @snarkypuppy). E também fundador de um festival anual chamado GroundUP Music Festival. E também da banda que é tema do post de hoje, Bokanté.

Bokanté é uma banda formada por grandes craques, grandes pesquisadores da música. A vocalista se chama Malika Tirolien (Nasceu na Ilha de Guadalupe, colônia francesa). Também estão na banda o guitarrista Bob Lanzetti (que também faz parte do Snarky Puppy) e outros. (A ficha completa aparece no Youtube, na descrição do vídeo abaixo, por exemplo)

Melhor do que ler sobre a teoria, é assistir a banda na prática. rs

 

 

Esta última faz parte do disco que acabou de ser lançado (a grande motivação de fazer este post rs). O disco se chama What Heat, segue o link pra ouvir no Spotify:

Aproveitando o clima de música africana, termino com uma participação do lendário cantor africano Salif Keita em uma música do Snarky Puppy (2016). Nesta faixa também tocam os brasileiros Carlos Malta e Bernardo Aguiar:

 

POLO & PAN

Dois DJs franceses, Polocorp (Paul Armand-Delille) e Peter Pan (Alexandre Grynszpan), perceberam que tinham muitos gostos musicais em comum (entre eles, música brasileira) e em 2012 resolveram formar uma dupla.

Antes de seguirem o caminho da música, Polo estudou cinema e Pan estudou desenho.

Lançaram alguns EPs e o primeiro disco mesmo só veio no ano passado. Se chama Caravelle. Eu acabei de descobrir através do stories do Instagram da cantora cabo-verdiana Mayra Andrade. rs

Um disco muito, muito bom! Destaco aqui 3 clipes que eles lançaram pra divulgar o projeto!

 

É bom ou não é? =D

E, claro, o link pra escutar o disco todo no Spotify.

A influência brasileira aparece em vários momentos e o disco tem duas músicas Made in Brasil sampleadas e arranjadas pela dupla: Nanã (Original: Cordeiro de Nanã / Mateus Aleluia) e Zoom Zoom (Original: Zum Zum / Fernando Lobo e Paulo Soledade).

Facebook: https://www.facebook.com/polopan.music

Instagram: @poloandpan

Plataformas digitais: https://polopan.lnk.to/Caravelledeluxe

QUE DISCO!

Este post é inteiramente dedicado a um disco do Paul McCartney lançado em 2005. O disco se chama Chaos and Creation in the Backyard. (Leia sobre o disco no Wikipédia clicando aqui)

“Seguindo a estética de seus primeiros projetos solo, Paul McCartney optou por não trabalhar com uma banda completa no disco, e ficou responsável pela execução de todos os instrumentos. Musicalmente, segue as tendências mais introspectivas do músico apresentadas desde Flaming Pie (1997), mas com arranjos mais calmos que seus antecessores. Uma das influências para o disco foi a morte de George Harrison em 2001, que inspirou a escrever “Friends to Go”. A capa do álbum é uma fotografia da esposa Linda McCartney, que mostra Paul no quintal de sua família tocando violão.”

Ouça no Spotify:

 

CAYMMI 10 ANOS

O cantor e compositor baiano Dorival Caymmi foi um grande nome da música brasileira. Uma das mais fortes influências de João Gilberto, Caetano Veloso, Tom Jobim, Gilberto Gil, entre outros. Faleceu em 16 de agosto de 2008, ou seja, hoje completa uma década.

Entre os músicos influenciados também estão seus filhos Nana Caymmi, Dori Caymmi e Danilo Caymmi. O vídeo abaixo é de um show que comemorou os 90 anos de Dorival. No palco, os 3 filhos cantam juntos uma música do pai, em clima de descontração. E o próprio Dorival está emocionado na primeira fila, cantando e aplaudindo. (aparece bem no final do vídeo)

 

 

Neste outro, a entrevista que Dorival Caymmi deu no programa do Jô Soares em 1997.

 

Em 1981, Caetano Veloso, Gilberto Gil e João Gilberto gravaram juntos a música Milagre, outra música de Dorival.

Pra fechar, uma playlist no Spotify juntando versões de diversos artistas para as músicas de Caymmi. Entre eles, Tom Jobim, Cássia Eller, Hermeto Pascoal, Dona Ivone Lara, Caetano, Gil, Fátima Guedes, João Nogueira, Emílio Santiago, Rosa Passos, João Gilberto e outros. Dá o play aí! E viva Dorival Caymmi 🙂

JULIA VARGAS

Outro dia, zapeando na TV, passei pelo Canal Bis e vi/ouvi a cantora Julia Vargas e sua banda fazendo um som de qualidade, personalidade, alto nível e responsa! rs Vou postar aqui o programa do Canal Bis mesmo, que se chama Experimente. Pode assistir pela GloboSat Play quem tem acesso ao Canal Bis (pela NET, Sky, Globo ou outra operadora, só colocar a senha). Tem quase uma hora de duração, entre músicas e entrevista.

https://globosatplay.globo.com/bis/v/6000381

Pra quem não tem este acesso (ou esqueceu a senha rs) dá pra ouvir o disco mais recente da Julia (Pop Banana) pelo Spotify (link abaixo) ou ainda encontrar bastante coisa boa pelo Youtube. Este disco tem participações de Ney Matogrosso e Pedro Luís (aquele da parede). E a Julia Vargas tem como padrinho o cantor e compositor Milton Nascimento.

Pra quem quer ouvir algo da Julia sem Globo ou Spotify (por aqui mesmo) abaixo uma participação dela no programa do Nelson Faria.

 

HERMETO

Hermeto Pascoal, no auge dos seus 81 anos, acaba de lançar um disco chamado Hermeto Pascoal e Sua Visão Original do Forró (leia uma matéria falando sobre o disco AQUI). Abaixo a entrevista que ele deu recentemente no programa Um Café Lá Em Casa, do Nelson Faria, já citado aqui outras vezes =] E logo em seguida o link pra ouvir o disco no Spotify.

 

RAPHAEL RABELLO

O leitor Chosnofer (E blogueiro veterano – o link para o blog de fotografias dele está no nome) comentou no último post sobre o disco do Yamandu com o Paulo Moura.

Fui ouvir e lembrei de outro, do Paulo Moura com o Raphael Rabello (31/11/62 > 27/04/95)

Aqui um vídeo curto feito pelo Nexo Jornal, falando sobre a admirável história do prodígio Raphael Rabello.

E abaixo um disco feito em homenagem a Raphael Rabello. Um Abraço no Raphael Rabello, com participação de vários amigos (e fãs) como Rogério Caetano, Alessandro Penezzi, Hamilton de Holanda, Maurício Carrilho, Marco Pereira, Cristóvão Bastos, Yamandu Costa, entre outros (se bem que eu citei tantos que acho que só sobraram outros 2 rs)

Raphael Rabello no Programa Ensaio – TV Cultura (1993)

 

YAMANDU E HERZ!

Ricardo Herz é um violinista paulistano que estudou jazz e música clássica nos Estados Unidos e na França pra depois aplicar toda técnica em ritmos brasileiros. Recentemente, gravou um disco em parceria com o violonista Yamandu Costa. E violinista e o violonista, violino e violão.

Abaixo, uma matéria no programa Metrópolis onde eles tocam a música El Negro Del Blanco, do Yamandu, e conversam um pouco com o apresentador Cunha Jr.

Aqui os dois tocam juntos a música “Mourinho”, neste show do Sesc Pompeia que o Cunha Jr. comentou na matéria.

Aqui o Ricardo toca sozinho a música “Odeon”, clássico do choro, composição de Ernesto Nazareh.

E finalmente o link para ouvir no Spotify este novo disco dos dois =D Excelente disco!

 

 

TIM MAIA CAI NO FORRÓ

Outro dia estava trocando de rádio e apareceu o Tim Maia cantando um baião bem estilo Luiz Gonzaga, com triângulo, sanfona e zabumba. Achei legal, normalmente as rádios e canais de TV só lembram do Tim Maia com as mesmas músicas. Você é algo assim, é tudo pra mim, descobridor dos 7 mares, do Leme ao Pontal… rs

Aí lembrei de uma outra música dele que puxava pro forró. Fui pesquisar e encontrei mais algumas! Então esse post é só pra isso, pra reunir 5 músicas com o Tim Maia caindo no forró. =D

Essa última é um baião mais lento, um baião mais camuflado, porque não tem o triângulo marcando o tempo (uma das características mais marcantes) É a música Nanã, do Moacir Santos, coincidentemente tema do último post.

LANÇADO HOJE!

Black Bossa. É o nome do EP lançado HOJE pelo músico paulistano Alexandre Basa nas plataformas digitais.

Uma das músicas gravadas foi April Child, do compositor e maestro pernambucano Moacir Santos, já citado neste blog em outras ocasiões.

Esta música já teve diversas regravações pelo mundo todo. Neste vídeo podemos ver April Child tocada pela banda do grande violonista Chico Pinheiro, acompanhada da cantora Tati Parra.

A versão do Basa (lançada hoje rs) teve um arranjo mais atual, dançante, foi mais puxada pro Samba Rock. Fiz uma playlist no Spotify começando com a versão dele e seguindo com outras gravações de April Child, de intérpretes brasileiros e estrangeiros.

Tem Gilberto Gil, Leo Gandelman, Marco Pereira, Maucha Adnet (tia de Marcelo Adnet), Cesar Camargo Mariano, Joyce, entre outros. A playlist está logo aqui embaixo. É só clicar no play. (Se não tocar no seu computador ou celular, tente neste LINK)