OLHA PRO CÉU!

Hoje é Dia de São João! Por causa do Corona, não tem festa junina. Então a comemoração é ouvir música de festa junina. rs

Tem uma música do Luiz Gonzaga (rei do baião) que se chama “Olha Pro Céu”. Vou colocar aqui 4 versões dessa música. Uma do próprio autor, outra de um grupo chamado “Cia Cabelo de Maria” (a música é cantada por uma criança), outra do Gilberto Gil e a última da Ceumar, uma versão A Capella.

Fiz uma playlist no Spotify com essas versões e mais algumas dessa música.

ZECA 60 ANOS!

Hoje um grande sambista e grande artista brasileiro completa 60 anos de idade! Jessé Gomes da Silva Filho! Vulgo Zeca Pagodinho! O talento do Zeca vai muito além do Pagodinho. Figura reconhecida por grandes nomes da música brasileira como Gilberto Gil, Caetano, Maria Bethânia, Lenine, Seu Jorge, Marcelo D2 e tantos, tantos outros!

Falando nos fãs famosos do Zeca, tem uma música que pouca gente conhece chamada “Zeca Cadê Você?” A música foi gravada pelos amigos Seu Jorge, Marcelo D2 e Jorge Aragão, com participação do próprio homenageado, o Zeca.

Abaixo esta música no Youtube, mas também vai estar mais abaixo, na playlist do Spotify.

 

 

Em 2014 foi gravado um “Sambabook” para o Zeca Pagodinho. Sambabook é um show comemorativo, onde vários artistas cantam sucessos do homenageado. (também tem Sambabook pro João Nogueira, Chico Buarque e muitos outros, prócure saber rs) Abaixo, a faixa “Não Sou Mais Disso” cantada pelo gênio Gilberto Gil.

 

Pra terminar, uma playlist que criei no Spotify com minhas músicas preferidas do Zeca. 🙂

 

 

 

E pra terminar MESMO, o álbum “Acústico Gafieira” gravado em 2006. Pra mim, um dos melhores discos do Zeca. Um clássico! Com orquestra, com regravações de grandes pérolas do samba, com regência e arranjos de Rildo Hora. Veja também em DVD!

 

 

 

 

Parabéns, Zeca Pagodinho! Grande ídolo! Que sua arte continue encantando e inspirando tanta gente! Um brinde ao Zeca! =D

DIA DO BAIÃO

Gilberto Gil (que aliás completou 76 anos esta semana!) postou agora há pouco no seu Facebook uma homenagem ao Dia do Baião, que é comemorado hoje.

“O Baião é um dos gêneros de música brasileira que constitui um dos pilares para o cenário da MPB atual. Virou uma dinastia. Vamos celebrar o dia do Baião!” (link para o post aqui)

Junto com o texto, ele postou este vídeo, onde toca uma música de Luiz Gonzaga, ao lado do mestre Dominguinhos e outros ótimos músicos brasileiros.

O baião hoje é admirado no mundo todo. Neste outro vídeo, a banda americana Snarky Puppy toca a música “Tio Macaco”, com participação do percussionista brasileiro Julio Pimentel. (no pandeiro)

Pra fechar, uma playlist no Youtube com o show do Gilberto Gil completo (o mesmo show da música postada hoje por ele, foi gravado no Retiro dos Artistas, RJ, 2010) Nesse show tem mais baião e em outros posts recentes aqui do blog também (títulos aqui ao lado direito da página)

 

CARNAVAL 2018

Ontem Gilberto Gil foi fotografado junto ao amigo Zeca Pagodinho no Carnaval de São Paulo. Belo registro de dois nomes muito importantes na música brasileira.

gil e zeca.jpg

Vou aproveitar a foto pra fazer um rápido post misturando músicas de dois grandes discos, um do Gil e outro do Zeca.

Do Zeca é o Acústico Gafieira, um disco com grandes clássicos do samba. Do Gil é o Gilbertos Samba, uma homenagem a João Gilberto, só com músicas que também foram gravadas por ele, grande ídolo de Gil.

Segue abaixo a playlist no Spotify com 7 músicas de cada disco.

LAMENTO

No último post coloquei um vídeo do Jacob Collier tocando a música Lamento Sertanejo, parceria do Dominguinhos com o Gilberto Gil.

Então lembrei de algumas versões que vi desta música.

A cantora cabo-verdiana Mayra Andrade, com Yamandu Costa e Hamilton de Holanda (com o próprio Dominguinhos assistindo)

Os dois autores juntos na gravação de um DVD do Gil em 2010.

Aqui uma garota americana toca e canta (com uma bela pronúncia do português) Lamento Sertanejo no projeto Sofar Sounds.

Uma versão instrumental, com Nelson Faria e Marcelo Caldi, no programa UM CAFÉ LÁ EM CASA, que Nelson apresenta no Youtube. (para assinar o canal clique no link)

E uma boa versão também instrumental é a do próprio Jacob Collier com o brasileiro Michel Pipoquinha. Essa dá pra ver no último post, logo abaixo deste. 🙂

Pra terminar, uma versão do grupo Djumbai, que é composto por um brasileiro, um argentino e um africano (Guinea-Bissau):